Ex-miss Brasil, Vitória Strada mostra tendências de moda praia e fala sobre solteirice

04/12/2017

http://www.missnews.com.br/historia/ex-miss-brasil-vitoria-strada-mostra-tendencias-de-moda-praia-e-fala-sobre-solteirice/

20    0

03/12/17 05:00


Vitória Strada posa para ensaio esclusivo de biquíni para o Jornal Extra Vitória Strada posa para ensaio esclusivo de biquíni para o Jornal Extra Foto: Faya


Thayná Rodrigues 


Ir à praia, que fica a poucos metros de casa, é um programa anulado da rotina de Vitória Strada desde a escalação para tempo de amar. Nova moradora da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, a artista faz o sacrifício de não pisar na areia por conta das gravações de “Tempo de amar” e para manter a cor alva de sua personagem. Mas, num editorial de moda exclusivo para a Canal Extra, a brinca de matar a saudade mostrando as tendências maiôs e biquínis para o verão. Iniciada na profissão de modelo aos 12 anos, ela foi descoberta ao acompanhar uma amiga na ida a uma agência e, sem querer (ela jura), desclassificou a colega. A carreira, no início despretensiosa, a levou até o posto de vice-miss Brasil em 2014, depois de trabalhos em países como Alemanha, Itália, Polônia e Espanha, entre outros. Antes, quem diria, Vitória também havia disputado a faixa de mais bela das praias regionais do Sul.


— Venci o Garota Verão aos 15 anos! Era um concurso tradicional que não tinha relação direta com a vida de modelo. Eles passavam por todas as praias e selecionavam as meninas. Era simbólico no estado! Gaúcho é superbairrista, né (ao falar, ela não esconde o sotaque)? Se tem gente de lá, o povo torce. É engraçado! — assume Vitória.


Apesar da fama das baixas temperaturas do Rio Grande do Sul, dias marcantes de calor em praias como a de Torres, frequentada por Vitória, fazem parte da memória afetiva da atriz. Ginasta rítmica por oito anos, Vitória se divertia “ensinando” um público de todas as idades a dançar na areia.


— Quando eu era pequena, tinha um projeto chamado Estação Verão. Como sempre fui de me enfiar nas atividades, eu ia. Ficava amiga da professora, porque todos os dias estava lá. Ela me chamava para o palco. Ganhei até uma camiseta de instrutora também. Imagina aquele palito, um toco de gente, dançando lá sem parar (risos) — diverte-se.



Maiô Iracema Scharf (R$ 249); colar Diviníssima (R$ 290); kit de pulseiras vermelhas (R$ 261 o par) e kit de bracelete preto e branco (R$ 261 o par), tudo Fiszpan Maiô Iracema Scharf (R$ 249); colar Diviníssima (R$ 290); kit de pulseiras vermelhas (R$ 261 o par) e kit de bracelete preto e branco (R$ 261 o par), tudo Fiszpan Foto: Faya/Divulgação


A altura (1,74m) e o corpo esguio escondem um pecado capital que bons amigos da atriz conhecem bem. A colega de elenco Jéssika Alves é quem entrega um de seus hobbies: comer.


— Uma vez, na cidade cenográfica, Vi descobriu que as balas que estavam no Empório São Matheus eram verdadeiras e pegou todas. Moral da história: agora não tem mais bala de verdade — diz a paranaense Jéssika.


O prazer por comer não chegou a ser um problema nem no tempo em que Vitória era rodeada por garotas magérrimas e que, por vezes, cobravam-se para fazer regime:


— Nunca fiz dietas malucas em que eu tivesse que sofrer. O máximo que eu fiz, com consciência de que era saudável, foi tentar reduzir (as porções). A minha questão com a comida hoje em dia é que eu tenho muita fome, tanto do que é saudável como do que não é. Se me derem um abacaxi ou uma pizza, eu como os dois inteiros.


Quando modelava, as neuras pela magreza a surpreendiam:


— Uma vez, uma amiga estava com um problema sério de saúde. Nós chegamos a um estúdio para fotografar, e as pessoas só estavam interessadas em dizer: “Nossa, você está linda magra assim”. Ela não estava saudável, estava doente! Isso foi muito triste. Nunca fiz nada que arriscasse a minha vida: tomar remédio, inibidores de apetite, nada.



Blusa Cholet (preço sob consulta); hot pant My Favorite Things (R$ 245); colar Santa Feminice (R$ 169); bracelete pequeno (R$ 42) e de oncinha (R$ 42), ambos Josefina Rosacor; bracelete com desenho vertical (R$ 81) e marrom escuro (R$ 81), ambos Fizspan; sandália Vizzano na Dafiti (R$ 103,99) Blusa Cholet (preço sob consulta); hot pant My Favorite Things (R$ 245); colar Santa Feminice (R$ 169); bracelete pequeno (R$ 42) e de oncinha (R$ 42), ambos Josefina Rosacor; bracelete com desenho vertical (R$ 81) e marrom escuro (R$ 81), ambos Fizspan; sandália Vizzano na Dafiti (R$ 103,99) Foto: Fay/Divulgação


Da trajetória dos tempos de passarela, a filha dos funcionários públicos Jorge e Marisete Strada também traz na bagagem a consciência de não pisar no salto alto; manter os pés no chão. No exterior, ela afirma ter visto meninas se deslumbrarem com status, presentes, festas e viagens:


— Lá fora, eu morava com uma menina que chegava em casa com sapatos caros, cremes... Um cara milionário era quem dava. Desde pequena, não sou de confiar nos outros de olhos fechados.


Livre, leve e solta no Rio


Na pele de Maria Vitória, em “Tempo de amar”, a atriz vive aos prantos por ter sido separada de seu grande amor. Já fora da TV, a intérprete é dura na queda quando o assunto é o coração.


— Estou solteira. Acho que sempre tiveram medo de mim (risos). Brincadeira! Mas não me apaixono facilmente. Eu sou racional. Creio que isso assuste os homens — considera ela, que teve apenas dois namorados: — Não sou de engatar relacionamentos. Demoro a encontrar alguém que me encante. Sou exigente. Mas, quando encontro, eu me dedico.



Maiô Iracema Scharf (R$ 249); colar Diviníssima (R$ 290); kit de pulseiras vermelhas (R$ 261 o par) e kit de bracelete preto e branco (R$ 261 o par), tudo Fiszpan Maiô Iracema Scharf (R$ 249); colar Diviníssima (R$ 290); kit de pulseiras vermelhas (R$ 261 o par) e kit de bracelete preto e branco (R$ 261 o par), tudo Fiszpan Foto: Faya



Vitória Strada tem nove anos como modelo Foto: Faya



Maiô Blue Man (R$ 305); quimono Damyller (R$ 399); anéis Zarpellon (a partir de R$109, cada); colar Fiszpan (R$ 126) Maiô Blue Man (R$ 305); quimono Damyller (R$ 399); anéis Zarpellon (a partir de R$109, cada); colar Fiszpan (R$ 126) Foto: Faya
Créditos


Fotos: Faya / Styling: Bruna Barboza / Beleza: Aline Paranhos / Agradecimento: Pousada Don Pascual


Vitória usou


Blue Man (blueman.com.br) /Cecconello (lojacecconello.com.br) / Cholet (cholet.com.br) / Damyller (damyller.com.br) / Diviníssima (instagram.com/divinissimaacessorios)/ Fiszpan (fiszpan.com.br) / Fuel (usefuel.com.br) / Iracema Scharf (iracemascharf.com)/ Leader (lojasleader.com.br) /Le Diamond (lediamond.com.br) / My Favorite Things (myft.com.br) / Josefina Rosacor (josefinarosacor.com.br) / Rio Summer (riosummer.com) /Vizzano (vizzano.com.br) /Dafiti (dafiti.com.br) / Zarpelon (zarpellonjoias.com.br)


https://extra.globo.com/tv-e-lazer/ex-miss-brasil-vitoria-strada-mostra-tendencias-de-moda-praia-fala-sobre-solteirice-22138755.html


 


 

Talvez você se interesse também por:

Nenhum comentário postado para este post.

Ⓒ MissesNews.com.br  |  Desenvolvimento: